14 jan

A escolha de um violão faz toda a diferença no seu som! Mas não podemos esquecer de outro item muito importante: o encordoamento. Nas cordas de nylon, existem várias tensões: leve, normal, pesada e extra pesada. Mas como escolher a tensão ideal? Para decidir qual a melhor tensão para você, o recomendável é que teste todas, até encontrar a que seja mais adequada.

 

Além disso, é importante que você esteja com o braço do instrumento regulado. Um destaque nos violões da Michael, é que todos os modelos possuem tensor Dual Action, que permite uma regulagem perfeita e completa do braço. Caso você tenha dificuldade em fazer a regulagem do seu instrumento, o ideal é que leve o mesmo a um luthier de confiança para que ele coloque a corda ideal pra você e faça a regulagem do braço.

 

Para ter uma maior durabilidade nas cordas, o cuidado com elas é essencial. Um segredo: não trocamos as cordas somente quando elas arrebentam! A corda tem sua vida útil, então vai chegar um momento em que você não vai conseguir ter a mesma sonoridade, e isso vai atrapalhar até mesmo a afinação do violão.

 

Então confira algumas dicas para aumentar ainda mais a durabilidade das suas cordas:

 

– É muito importante que após tocar, você passe uma flanela limpa e seca em cada corda, evitando assim o desgaste por transpiração;

 

– Para você manter a regulagem do seu instrumento, é importante que quando for trocá-las você não retire todas as cordas de uma vez e sim que substitua uma a uma;

 

– Quanto menos você amarrar a corda no cavalete, melhor será a reverberação e a projeção sonora.

 

São dicas simples, mas que são valiosas no dia a dia! Quer ver essa matéria em formato de vídeo? Então acesse o link abaixo, e não esquece de deixar a sua curtida lá em nosso canal hein? Abraços!

durabilidade-cordas-play

F.Gênia